Central de Atendimento

CENTRAL DE
ATENDIMENTO

Telefone

16 3368 5536
16 3368 5212

Whatsapp

(16) 99614-3053

E-mail

Notícias

Cresce uso de frutas para sorvete no Rio Grande do Sul

Cremoso, leve e gelado, o sorvete é uma unanimidade nacional com consumo em alta. Se antigamente o sabor de chocolate reinava na preferência do brasileiro, hoje as frutas tomam cada vez mais lugar nos potes das sorveterias. A Associação Gaúcha das Indústrias de Gelados Comestíveis (Agagel) estima que sejam usadas cerca de 2,65 mil toneladas de frutas por ano para fabricação de sorvetes, 50% mais do que há dez anos. Dados da Associação Brasileira das Indústrias de Sorvete apontam que, neste período, o consumo cresceu 70,3%, alcançando 1,16 bilhão de litros em 2011. E, para quem pensa que o frio inibe o gaúcho, se engana: a média estadual, de 6,8 litros por habitante/ano, é 13,3% superior ao consumo nacional. O Estado demanda, anualmente, cerca de 88,4 milhões de litros de sorvete por ano e as frutas estão presentes em mais da metade da produção.
Do rosa forte pigmentado pela polpa do morango ao amarelo vibrante tonalizado pelo maracujá, uma verdadeira palheta de cores nas sorveterias nos remetem à variedade de frutas existentes no país. "Saímos dos sabores tradicionais, morango, abacaxi e uva. Agora, as fábricas apostam também em frutas, como melão, mamão e goiaba, tendências neste ano. As exóticas, como mirtilo, physalis e açaí também estão em alta", enumera o presidente da Agagel, Nilson Gemelli. "Até o adorado sorvete de chocolate vem do cacau, que é uma fruta."
As indústrias captam a fruta de três maneiras. Compram in natura e a preparam para ser misturada aos outros ingredientes do sorvete; adquirem de empresas que já fazem a higienização, tiram a casca e vendem congelada ou, ainda, diretamente de produtores que fabricam uma geleia especial da fruta. A segunda opção é a mais comum entre os fabricantes gaúchos. Na maioria dos casos, uma pasta saborizante é utilizada no processamento para corrigir o sabor da fruta, caso ela esteja no ponto exato de consumo.
Sorvete gaúcho
– São utilizadas RS 2,65 mil t de frutas por ano para fabricação de sorvete;
– Há dez anos, esse número não chegava à metade;
– O gaúcho consome 6,8 litros de sorvete por ano;
– São consumidos 88,4 milhões de litros por ano no Estado
– São 650 indústrias no Estado.

  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner
  • Banner
Central Máquinas de Sorvete

CENTRAL ICE Ind. e Com. de Equipamentos Industriais Ltda
Av. Antônio Martines Carrera Filho, 505 - CEAT - DISTRITO INDUSTRIAL
São Carlos SP - CEP 13573-420

COMPARTILHE
Facebook Youtube Instagram

Receba nossos informativos

Trip Propaganda